Laboratório de Química do Estado Sólido
 LQES NEWS  portfólio  em pauta | pontos de vista | vivência lqes | lqes cultural | lqes responde 
 o laboratório | projetos e pesquisa | bibliotecas lqes | publicações e teses | serviços técno-científicos | alunos e alumni 

LQES
lqes news
novidades de C&T&I e do LQES

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

2004

2003

2002

2001

LQES News anteriores

em foco

hot temas

 
NOVIDADES

NanoCare : saúde e meio ambiente sob vigilância.

O Ministério Federal do Ensino e da Pesquisa (do alemão, BMBF) e as indústrias investem mais de 11 milhões de dólares (mais de 22 milhões de reais) na pesquisa para assegurar o uso adequado dos nanomateriais. Segundo essa óptica, e, no quadro do Projeto NanoCare, do BMBF, as indústrias e os institutos científicos examinarão em comum as conseqüências sobre a saúde e o meio ambiente das nanopartículas fabricadas industrialmente.

O secretário de Estado do BMBF, Thomas Rachel, qualificou essa operação como exemplar. "O forte potencial das nanotecnologias passa também pelo estudo das conseqüências e, se necessário, pelas precauções a serem tomadas".

O BMBF financia o Projeto NanoCare com aproximadamente 7,5 milhões de dólares (~ 16,5 milhões de reais) para os próximos três anos e as indústrias participam com aproximadamente 3,9 milhões de dólares (~8,6 milhões de reais). Esse Projeto reúne 16 parceiros (indústrias, universidades e centros de pesquisa) e é coordenado pelo Centro de Pesquisa Karlsruhe.

As nanotecnologias oferecem um forte potencial de desenvolvimento. Oferecem, em diversas áreas, soluções para o futuro: energia, saúde, química e novos materiais. Conduzem, ainda, a numerosas inovações e à criação de empregos na Alemanha.

A proteção da saúde, assim como as conseqüências sobre o meio ambiente são elementos fundamentais para a indústria, e particularmente na indústria das nanotecnologias.

As empresas participantes do Projeto NanoCare desejam contribuir, graças a essa aliança político/científica, para que o enorme potencial da nanotecnologia seja utilizado de modo responsável.

O Projeto NanoCare deverá permitir aos cientistas estudar as conseqüências das nanopartículas sobre o meio ambiente e sobre a saúde. Certamente, o NanoCare permitirá uma abordagem das nanotecnologias mais serena e tranqüilizadora para o público.

Comunicado de Imprensa do BMBF, February 17, 2006 (Tradu

Veja mais:

http://www.bmbf.de/de/5915.php.


<< voltar para novidades

 © 2001-2017 LQES - lqes@iqm.unicamp.br sobre o lqes | políticas | link o lqes | divulgação | fale conosco