Laboratório de Química do Estado Sólido
 LQES NEWS  portfólio  em pauta | pontos de vista | vivência lqes | lqes cultural | lqes responde 
 o laboratório | projetos e pesquisa | bibliotecas lqes | publicações e teses | serviços técno-científicos | alunos e alumni 

LQES
lqes news
novidades de C&T&I e do LQES

2020

2019

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

2004

2003

2002

2001

LQES News anteriores

em foco

hot temas

 
NOVIDADES

Brasil será sede do novo centro binacional de Nanotecnologia.

O Centro Brasil-China de Nanotecnologia terá como foco o desenvolvimento de dispositivos e processos de uso civil em escala nanométrica.

Inicialmente, o novo órgão funcionará por meio de uma rede virtual de pesquisadores e intercâmbios entre os dois países.




Brasil e China: esforços conjuntos em Nanociência e Nanotecnologia.

Créditos: The Guardian.


Com um orçamento inicial de US$ 3 milhões - cerca de R$ 4,8 milhões -, o centro tem como membros a Academia Chinesa de Ciências (do lado chinês), o Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano) - localizado em Campinas (SP) e que funcionará como centro de operações e sede do órgão binacional -, o Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia do Carbono (INCT-Carbono) - sediado na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) -, e o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF).

Agência Fapesp.


Assuntos Conexos:

Brasil e China criarão centro de pesquisa em nanotecnologia.


Nota do Managing Editor: esta notícia foi primeiramente veiculada pela Agência Fapesp. A ilustração aqui apresentada não faz parte da matéria original e foi adaptada de material publicado pelo jornal The Guardian.


<< voltar para novidades

 © 2001-2020 LQES - lqes@iqm.unicamp.br sobre o lqes | políticas | link o lqes | divulgação | fale conosco